Não podemos confiar nem na nossa sombra

7:07 PM



Já fazia um bom tempo que eu desconfiava. Desde que ela entrou na escola, me falaram que boa moça ela não era. No começo eu escutei, atentamente. Não queria amizade muito menos contato. 

Só que acabamos virando amigas por circunstâncias da vida. Eu confiei, mas não totalmente. Sempre com um olho aberto. 

Veio a confusão. Os amores dela. Eu escutei, todos os dramas, todos os choros, xingamentos. Quase perdi amigos de longa data. 

Então eu descobri. Fechei meus olhos por uma semana, mas foi o suficiente pra estragar muita coisa. Ela me jogou contra as pessoas e jogou-as contra mim. Sabe aquela famosa frase; "sabe o que a fulana disse de você?" 

Essa maldita frase tem um poder sobre nós gigante! Não percebemos, mas nos deixamos se influenciar por ela, mudamos por ela. Ela recitou essa sentença pra mim por dias, semanas, quando na verdade a opinião não era dos outros e sim, dela. 

Dela, que me chamava de "Susi", indiretamente me chamando de inferior, gorda, porque na sua cabeça, a "Susi" é feia e acima do peso. 

Agora, depois de quebrar a cara mais uma vez, eu percebo que eu tenho que me seguir, fazer novos contatos, porque nessa vida não se pode confiar tão fácil. 
Não se pode confiar nem em nós mesmos. 





You Might Also Like

0 comentários