Primeiro par de óculos

9:14 PM


Hoje eu coloquei meu primeiro par de óculos. Demoraram 18 anos para o gene da miopia se manifestar e descobri mais um ponto negativo herdado do meu pai (todos na família dele tem miopia). Sempre me gabei dos meus 0.001 e de como eu era uma das únicas da sala que não precisavam de óculos. Sabia também que eu NUNCA combinei com óculos e quase me matava de rezar quando chegava a hora de consultar com o doutor.

Final de novembro, eu me lembro claramente do dia que eu  olhei pro quadro e uma parte estava borrada. Como eu tenho o terrível hábito de mexer no celular no escuro, pensei: "ah, vista cansada né garota? Bora cortar isso." Quem disse que eu cortei? Nem tive coragem de perguntar para o médico, vai que ele concorda e minha mãe descobre que na verdade, ao invés de dormir, eu fico atualizando instagram e fofocando no twitter?

As coisas pioraram quando eu me vi presa nas cadeiras da frente da faculdade e do cursinho e perguntando toda hora quais eram as palavras escritas no quadro. Algo estava errado. Corri para o médico e chorei, igual criança, quando anunciou "Anita, se prepare, você vai precisar fazer um óculos." Como eu já disse: fico horrível de óculos.

Não sei o modelo, não sei o preço, mas confiei nas vendedoras para comprar o óculos que uso raramente nos vídeos e nas fotos. Não consegui gostar de nenhum, não consigo me acostumar com ele e ainda acho que pareço um baiacu cego usando essa coisa. As desvantagens de ser gordinha.

Porém aprendi uma coisa valiosa. Na vida, nós sempre teremos coisas que nos deixam (vou usar novamente a palavra) em desvantagem e precisamos convertê-las em algo bom, por mais que não gostemos. Preciso aprender a fazer isso com o óculos.

Urgentemente.


You Might Also Like

0 comentários